Nunca se culpe se suas intenções

Nunca se culpe se suas intenções

Nunca se culpe se suas intenções foram as melhores possíveis.

Um papel

Compartilhe com quem você gosta:

Você poderá gostar também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *